Com ameaça de fechamento do comércio na Bandeirantes, Salineiro convoca audiência pública

26 Jun

Na próxima quinta-feira (27), às 17h, a Câmara Municipal realiza a Audiência Pública “Impactos de Grande Obras para População e Comércio de Campo Grande”, convocada pelo vereador André Salineiro. O debate será sobre as reformas em andamento, em especial da Avenida Bandeirantes, onde comerciantes e moradores temem diversos prejuízos irreparáveis, como fechamento de estabelecimentos e perda de 70% das vagas de estacionamento.

“O Reviva Centro já é um exemplo de algo errado, em que foram aplicados R$ 56 milhões de dólares em um a única rua. Não que não fosse importante, mas temos outras prioridades, como a Saúde e Segurança. Precisamos de recapeamento, de revitalização na Bandeirantes, mas não uma obra de R$ 8,1 milhões, que vai gastar tanto dinheiro público e prejudicar o comércio. Precisamos que todos os envolvidos participem para chegarmos a um consenso e reformular esse projeto”, argumentou Salineiro.

A avenida tem cerca de 600 empresas, que juntas são responsáveis por 6 mil empregos diretos e 24 mil empregos indiretos, de acordo com o vereador. Ao todo, 40 mil pessoas serão afetadas com o enfraquecimento do comércio, na região. O projeto prevê reforma total da via, construção de um corredor de ônibus e instalação de pequenos terminais em ilhas, na faixa esquerda da avenida. Com isso, os poluentes do escapamento dos ônibus ficarão voltados diretamente para a entrada das lojas, enquanto as portas dos ônibus ficaram voltadas para o centro da avenida. Os moradores acreditam que a conversão dos veículos também será dificultada.

São convidados o prefeito de Campo Grande, além de representantes da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur); Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep); Engepar Engenharia, responsável pelos empreendimentos da 14 de Julho, Brilhante e Bandeirantes; entre outras autoridades, moradores e empresários da Capital.

Caroline Maldonado

Foto: Câmara Municipal/Izaías Medeiros

#ENQUETE

O que pode melhorar a Segurança Pública?

GABINETE

ITINERANTE